Se você fizer isso, você estará prejudicando a sua empresa.

Introdução

Fala pessoal, tudo bem? Mais uma vez aqui, Rodrigo Noll e hoje eu quero te falar sobre uma verdadeira questão de gestão. Então fica nesse vídeo porque é importante saber se na gestão da tua empresa acontece alguma dessas coisas que eu vou te falar, até porque se a resposta for sim, infelizmente há grandes chances da sua empresa poder quebrar, caso você não resolva esses problemas a tempo. Mas calma calma, como eu disse dá tempo de contornar essas situações ainda, beleza? Vamos ao conteúdo desse vídeo e diretor, roda a vinheta. [Música]

Problemas Comuns na Gestão

Bom, existem problemas comuns na gestão que podem fazer com que algumas empresas quebrem, infelizmente isso acontece. O primeiro está relacionado aos funcionários, como por exemplo não definir responsáveis, prazos ou tarefas específicas. Quando a gente fala da tarefa é importante especificar e deixar claro quem deve fazer o que, esclarecendo prazos para que confusões sejam evitadas. Inclusive, para executar uma tarefa que você precisa de um briefing, certo? Então é isso que eu tô falando: o que precisa ser feito? Essa é a pergunta para começar. Tem algum direcionamento específico nessa demanda? O briefing ele precisa ter clareza para que a pessoa responsável não tenha dúvidas na hora de executar aquela tarefa. Quando se tem um briefing redondinho, com todas as informações necessárias, não tem erro! O responsável vai conseguir concluir aquilo sem muita dificuldade, pelo menos né, porque ele tem as informações. Por isso é importante anotar tudo e tirar todas as dúvidas da pessoa na hora de brifar. Erros e dúvidas não podem aparecer, pelo menos não com frequência. Prefira pecar pelo excesso nas explicações. A comunicação deve ser clara, didática e esclarecedora. Sem contar que é importante que tu deixe espaço para possíveis dúvidas e possíveis perguntas. Em relação ao responsável, eu quero que você anote a frase que eu vou te falar aqui agora. Pega papel aí e caneta: "Se você não define quem vai fazer o que, ninguém faz nada!" Entenda que é preciso delegar, conversar e organizar. Defina certinho quem vai ser responsável por qual tarefa. Essa é a melhor maneira para evitar problemas futuros em relação às funções de uma equipe, beleza? E sobre prazo? Vamos falar disso aqui agora! O que pode ser feito e melhorar? Bom, tudo que você vai fazer na sua gestão precisa ter um prazo determinado para entrega. Em alguns lugares isso é chamado de deadline, por exemplo, que nada mais é do que uma data limite para aquilo se entregue, bem simples. Já anota essa frase também: "se existe prazo, vira lenda." Não tem como você programar absolutamente nada que esteja envolvido e relacionado com uma tarefa quando não se sabe que dia aquilo vai ficar pronto, por exemplo. Sendo assim, descreva, delegue o responsável, defina o prazo das suas demandas para que a sua gestão seja eficaz e sua equipe trabalhe com mais qualidade. Então aqui a gente fecha a parte dos problemas com delegação com funcionários. O segundo problema são os incêndios que você gestor quer apagar todos os dias. Eu não sei se você sabe, mas você não consegue (e nem deveria) dar conta de tudo, certo? Seus heads aí, seus líderes, seus gestores, eles estão aí para isso. Não tente abraçar o mundo, as pessoas não avançam sozinho, certo? Resolva o que tá ao seu alcance e delegue as demandas para quem tiver capacidade de resolvê-las, isso é o mais importante. Confia nos teus colaboradores! Isso vai fazer bem para ti e principalmente para o crescimento de cada membro da tua equipe, vai se sentir mais valorizado, mais desafiado. Terceiro problema: alta rotatividade de funcionários. Essa é uma consequência das contratações erradas, contratações ruins, né ou de uma gestão mal feita no dia a dia. Quando uma empresa tem alta rotatividade de funcionários, o problema pode aparecer mais a longo prazo. Dito isso procure melhorar o processo seletivo para que os colaboradores eles já cheguem mais selecionados no perfil de cultura do teu negócio. Analisa como está sendo feito o onboarding na tua empresa, revisa, veja o que pode ser alterado, modificado… isso vai evitar que você tenha rotatividade, beleza? O quinto problema que eu quero falar contigo é sobre o excesso de call e reunião durante o dia. Quem nunca passou por isso, né? Você já reparou como isso é algo que prejudica bastante a produtividade das empresas? A gente fica parando para entrar de call em call, às vezes a call dura uma, dura duas horas e call que geralmente não estavam pré-agendadas, sabe? A minha sugestão para ti é que você veja as necessidades. Precisa mesmo entrar em call para resolver esse problema? Será que a gente não consegue resolver de outra forma? Será que não é legal delegar isso para o responsável e depois a gente analisa isso? Será que isso é realmente uma prioridade? É importante evitar o excesso de call, excesso de reunião porque senão vai chegar uma hora tu vai ficar o dia inteiro no Meet, no Zoom e não vai conseguir trabalhar em outras demandas diretamente ou vai ter que trabalhar mais horas à noite. Muitas vezes as pessoas falam "entra aí, é só um minutinho." E cara, nunca é só um minutinho, nem dois. Sempre leva mais do que isso e pode se estender mais do que o teu esperado. Então evita o excesso de reuniões, beleza?

Agora, depois que a gente examinou esses possíveis erros, me responde: será que alguns deles estão inseridos aí na tua gestão? Eu quero que quando tu finalizar esse vídeo tu anote o que tu acha que tá fazendo de errado e que pode ser prejudicial para o crescimento da gestão do teu negócio. Isso vai subir a tua barra e você vai ter uma vida bem melhor. Se atente para que você não quebre a sua própria empresa. E por último mas não menos importante: "se tu falou e não registrou, tu não falou". Ta aí a importância de registrar tudo que for solicitado. Quando a gente não anota, as informações ficam no ar, solto, fumaça, não tem como monitorar que está sendo feito nem acompanhar o processo ou cobrar o responsável. Até mesmo para poder oferecer uma ajuda, se for o caso. Então tudo que for conversado, registre, mesmo que seja em uma mensagem de WhatsApp. Bom, esse é um dos problemas de gestão mais comuns que eu quero que tu analise e tire da tua empresa o quanto antes, beleza? E se tu curtiu esse conteúdo, já compartilha ele com um amigo empreendedor e empresário que reclama que não tá conseguindo ter os resultados, e tu acha que ele pode se beneficiar desse conteúdo também. Aproveita, se inscreve no canal e ativa o sininho para receber sempre em primeira mão tudo que a gente posta aqui. Valeu e a gente se vê no próximo vídeo. Até mais!

As consequências de quebrar a empresa: suas ações podem levar ao fracasso

Introdução: por que pequenas ações podem levar ao colapso de uma empresa

Nos negócios, cada ação tomada por um indivíduo pode ter um impacto significativo no sucesso da empresa como um todo. Muitas vezes, pequenos erros cometidos por funcionários podem levar a consequências desastrosas, afetando a reputação e a saúde financeira da empresa. Neste artigo, vamos explorar algumas das maneiras pelas quais suas ações podem levar à quebra da empresa em que você trabalha.

Não cumprir prazos e compromissos

Um dos principais erros que um funcionário pode cometer é não cumprir prazos e compromissos estabelecidos pela empresa. Isso pode resultar em atrasos em projetos importantes, insatisfação dos clientes e perda de oportunidades de negócios. Além disso, a falta de comprometimento com prazos pode minar a confiança dos colegas de trabalho e da liderança, prejudicando o ambiente de trabalho e a produtividade da equipe.

Não se atualizar e se capacitar constantemente

Outro erro comum que pode levar à quebra da empresa é a falta de atualização e capacitação constante. Em um mercado em constante evolução, é essencial que os funcionários estejam sempre aprendendo e se desenvolvendo para acompanharem as mudanças e inovações do setor. A falta de investimento em atualização e capacitação pode resultar em obsolescência profissional, tornando o indivíduo e a empresa menos competitivos no mercado.

Desrespeitar os valores e a cultura da empresa

Cada empresa possui seus valores e cultura organizacional que devem ser respeitados por todos os funcionários. Desrespeitar esses valores pode levar a conflitos internos, desmotivação da equipe e, em última instância, à quebra da empresa. É importante que os funcionários estejam alinhados com os valores e objetivos da empresa, contribuindo para um ambiente de trabalho saudável e harmonioso.

Não colaborar e trabalhar em equipe

O trabalho em equipe é essencial para o sucesso de qualquer empresa. Funcionários que não colaboram ou trabalham de forma individualista podem comprometer a eficiência e eficácia das operações da empresa. A falta de colaboração e trabalho em equipe pode resultar em duplicação de esforços, desentendimentos entre os membros da equipe e, em última instância, à quebra da empresa.

Conclusão sobre as consequências de se quebrar uma empresa

Em resumo, as ações de cada indivíduo dentro de uma empresa podem ter um impacto significativo no sucesso e na sobrevivência do negócio como um todo. Não cumprir prazos, não se atualizar, desrespeitar os valores da empresa e não colaborar em equipe são apenas algumas das maneiras pelas quais você pode contribuir para a quebra da empresa em que trabalha. É fundamental que todos os funcionários estejam comprometidos com o sucesso da empresa, agindo de forma ética, colaborativa e alinhada com os valores da organização. Afinal, o sucesso de uma empresa depende do comprometimento e da cooperação de todos os seus membros.

Utilize o formato HTML Otimizado com SEO

Quando se trata de marketing digital, a forma como o seu conteúdo é apresentado na internet pode fazer toda a diferença. Utilizar o formato HTML otimizado com técnicas de SEO é essencial para garantir que o seu site seja facilmente encontrado pelos motores de busca, o que pode aumentar consideravelmente o tráfego orgânico e a visibilidade da sua empresa online. Além disso, um site bem estruturado e otimizado proporciona uma melhor experiência para o usuário, o que pode resultar em maior tempo de permanência e taxas de conversão mais altas.

Se você faz isso, você está quebrando a sua empresa

Um dos erros mais comuns cometidos por empresas no marketing digital é a falta de otimização do código HTML de seus sites. Uma estrutura mal organizada e códigos mal escritos podem dificultar a indexação do seu site pelos motores de busca, o que pode impactar negativamente no seu posicionamento nas páginas de resultados. Além disso, um site lento e mal otimizado pode afastar os usuários, que tendem a abandonar a página se ela demorar para carregar. Isso pode resultar em taxas de rejeição altas e uma menor eficácia das suas estratégias de marketing digital.

Conclusão

Em resumo, utilizar o formato HTML otimizado com SEO é fundamental para o sucesso da sua empresa no ambiente online. Ao investir na estruturação adequada do seu site e na otimização do código, você estará não apenas melhorando a visibilidade da sua marca nos motores de busca, mas também proporcionando uma experiência positiva para os usuários. Isso pode resultar em um aumento significativo no tráfego, nas taxas de conversão e, consequentemente, no crescimento do seu negócio. Portanto, se você quer evitar quebrar a sua empresa no mundo digital, certifique-se de investir na otimização do seu site e manter-se atualizado com as melhores práticas de marketing digital.

Fonte Consultada: Texto gerado a partir do Vídeo https://www.youtube.com/watch?v=dCTFr5nDHX0 do Canal Rodrigo Noll – Marketing de Indicação .

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima